Quinta-feira, Fevereiro 2
Shadow

ALMA renova distinção de duas estrelas Michelin

Pelo quinto ano consecutivo, o ALMA, restaurante da Plateform com o chef Henrique Sá Pessoa ao leme, celebra a atribuição da segunda estrela Michelin.

O anúncio foi feito durante a cerimónia anual do Guia Michelin 2023 Espanha e Portugal, que este ano se realizou no Palacio de Congresos El Greco, na cidade espanhola de Toledo.

ALMA renova distinção de duas estrelas Michelin
ALMA renova distinção de duas estrelas Michelin

Segundo os padrões de avaliação do guia, as duas estrelas são sinónimo de “uma cozinha excecional que vale o desvio”.  O ALMA é o espaço ideal para “conhecer a cozinha portuguesa atual” através de pratos que propõem “uma viagem culinária com toques tradicionais, mediterrâneos e internacionais, com um domínio técnico que potencia os sabores e as matérias-primas locais”, pode ler-se nas notas do Guia Michelin. 

Chef Henrique Sá Pessoa
Chef Henrique Sá Pessoa

Este é um ano especial porque é a quinta vez que celebramos as duas estrelas. Cinco anos consecutivos com uma pandemia pelo meio demonstra bem que o ALMA é um restaurante com uma equipa coesa e que tem sempre vindo a evoluir. A cada ano que passa estamos melhores e esta nova renovação demonstra bem essa solidez”, assume o chef Henrique Sá Pessoa, que este ano foi também considerado o 70.º melhor chef do Mundo nos The Best Chef Awards, o melhor resultado entre a comitiva portuguesa.

Henrique Sá Pessoa destaca ainda um “ano histórico para o nosso país”, com cinco novas estrelas e o anúncio de que Portugal contará com o seu próprio guia já a partir do próximo ano. Para o chef “ter o nosso próprio guia são boas notícias para o ALMA e para todos os restaurantes portugueses, pois demonstra que Portugal é um destino gastronómico cada vez mais destacado”.

A história do ALMA já não pode ser dissociada do guia: a primeira estrela chegou menos de um ano depois de o restaurante reabrir no Chiado, em 2015, tendo alcançado as duas estrelas em 2018 – tornando-se no primeiro espaço em Portugal a alcançar o feito em apenas três anos. De lá para cá, a distinção foi sempre consecutivamente renovada.

O orgulho de fazer parte desta jornada é também partilhado por Rui Sanches, CEO da Plateform. “Nestes sete anos o ALMA nunca deixou de evoluir e de se propor à excelência, afirmando-se como uma referência incontornável da gastronomia portuguesa dentro e fora de portas. Não poderia estar mais orgulhoso do trabalho que tem sido desenvolvido pelo chef Henrique e a sua equipa”, afirma.

LEIA TAMBÉM:  O Porto secular e o rótulo que é uma brochura

Liderada por Henrique Sá Pessoa, a cozinha do ALMA define-se pela criatividade e sofisticação que transparecem em cada prato, numa constante valorização dos produtos e da gastronomia tradicional portuguesa. Num espaço confortável, requintado e acolhedor, o serviço informal e atento é outro dos highlights que transformam cada refeição numa experiência única.

Quem visita o ALMA pode escolher entre dois menus distintos. O menu Alma reúne alguns dos maiores clássicos do chef apresentando uma nova interpretação a alguns dos sabores mais tradicionais. O emblemático menu Costa a Costa, recentemente renovado, continua a prestar tributo à enorme riqueza proveniente do mar português fazendo do peixe e do marisco os principais protagonistas.

Tanto o menu Alma (180€) como o Costa a Costa (180€) podem incluir harmonização de vinhos por um acréscimo de 120€. Igualmente disponíveis, tanto ao almoço como ao jantar, estão as opções a la carte, que incluem alguns dos pratos presentes nos menus de degustação.

O ALMA faz parte do exclusivo grupo dos apenas 7 restaurantes nacionais que detêm duas estrelas Michelin. Para embarcar nesta viagem gastronómica, aconselha-se reserva com a maior antecedência possível através do site www.almalisboa.pt ou do número de telefone 21 347 0650.