mercado Península de Setúbal

Vinhos da Península de Setúbal em 2021 cresceram 12,1% em valor e 6,1% em volume

Os produtores da Península de Setúbal demonstraram vivacidade e perseverança, que se refletem agora neste excelente desempenho

A Região Vitivinícola da Península de Setúbal registou no mercado nacional, no ano passado, um aumento em volume de 6,1% e em valor de 12,1%, face a 2020, com um consequente aumento do preço médio em 5,7%, tendo continuado a aumentar a sua quota de mercado, que em volume já ultrapassa os 20%.

Vinhos da Península de Setúbal em 2021 cresceram 12,1% em valor e 6,1% em volume
Vinhos da Península de Setúbal em 2021 cresceram 12,1% em valor e 6,1% em volume

Para Henrique Soares, Presidente da Comissão Vitivinícola Regional da Península de Setúbal, o ano de 2021 “seguiu a tendência dos últimos anos, ou seja, consolidação do trajeto, demonstração de consistência e de sustentabilidade do crescimento da região, ao nível da quota de mercado, do volume de litros produzidos e do preço médio por garrafa. Apesar da situação pandémica, os produtores da Península de Setúbal demonstraram vivacidade e perseverança, que se refletem agora neste excelente desempenho”.

Os dados da consultora Nielsen colocam os Vinhos da Península de Setúbal na segunda posição entre os vinhos certificados mais consumidos no mercado nacional, com uma quota de mercado de 20,3%, em volume, entre os vinhos com Denominação de Origem e/ou Indicação Geográfica das várias regiões portuguesas.

Os Vinhos da Península de Setúbal subiram em termos de vendas em volume (6,1%), tendo também o valor aumentado em 12,1%, face ao mesmo período de 2020. O preço médio dos vinhos da região subiu 0.17 euros por litro, tendo ultrapassado os 59 M€ (59 678 734€) de vendas globais no mercado nacional, durante todo o ano de 2021.