Quarta-feira, Outubro 5Bem vindo(a) #winelover 😀

IVDP forma profissionais além-fronteiras para saberem tudo sobre o Vinho do Porto

Instituto dos Vinhos do Douro e do Porto, IP (IVDP) está a levar a cabo um programa de formação na área do vinho do Porto em escolas de hotelaria e turismo da Europa.

Aumentar o conhecimento sobre a história do Vinho do Porto, melhorar a qualidade de serviço e esclarecimentos sobre harmonizações e a região demarcada são os principais objetivos destas formações, que reputamos como muito importantes para amplificar a imagem e venda dos nossos vinhos além-fronteiras”, considera Gilberto Igrejas, presidente do IVDP.

A última ação de formação decorreu em França, no âmbito do projeto “Les Vins de Porto: Connaissance Des Produits Européens et Inter-Culturalité”, que o IVDP vem a desenvolver desde 2003 com o apoio do Ministério da Educação francês. Os seminários dirigiram-se a professores da área de Sommellerie, Cozinha e Serviço de sala de vários liceus hoteleiros, e em cidades como Toulouse e Montepellier.

IVDP forma profissionais além-fronteiras para conhecerem tudo sobre o Vinho do Porto
IVDP forma profissionais além-fronteiras para conhecerem tudo sobre o Vinho do Porto

Para o instituto, “qualificar e dar informação pormenorizada sobre os vinhos e a região junto de sommeliers é de fulcral importância, porque são estes profissionais que vão recomendar nos estabelecimentos de restauração e hotelaria a colocação dos vinhos nas respetivas cartas”, acrescenta Gilberto Igrejas.

Estas formações têm sido muito bem recebidas por docentes e alunos das academias francesas, tendo já outros estabelecimentos de ensino manifestado interesse em aderir a esta iniciativa. Inclusive, alguns professores aventaram a hipótese de fazerem deslocar grupos de alunos à Região Demarcada do Douro, suportando os custos das deslocações, para in loco saberem mais sobre o mundo dos vinhos que se fazem no Douro.

Iniciativas deste género já decorreram em várias cidades suíças, onde a recetividade foi igualmente muito positiva. Estas ações formativas estão a regressar em força e não só junto dos mercados externos. O projeto «Saber Servir, Vender Melhor» teve recentemente um novo capítulo, já em formato presencial.

LEIA TAMBÉM:  Formação é a chave para atrair e reter talentos na hotelaria e restauração

A primeira formação do corrente ano teve lugar numa unidade hoteleira de Lamego e várias outras sessões do género se seguirão ao longo do ano.