Terça-feira, Outubro 4Bem vindo(a) #winelover 😀

Chef Diogo Rocha vence Prémio Gastronomia “David Lopes Ramos”

O chef Diogo Rocha, ao leme do restaurante Mesa de Lemos, na Quinta de Lemos, em Viseu, Passos de Silgueiros (Dão), recebeu hoje o prestigiado Prémio Gastronomia “David Lopes Ramos”, na edição anual de prémios da revista Grandes Escolhas, que elege os melhores na área dos vinhos e da gastronomia.

A cerimónia de entrega de prémios da revista Grandes Escolhas, que muitos consideram como uns “Óscares do Vinho”, realizou-se no Hotel Vila Galé Ópera, em Lisboa, num modelo misto que uniu a transmissão por streaming, através do site e das redes sociais da revista, à presença de um número limitado de convidados. O evento contou com a presença da Ministra da Agricultura, Maria do Céu Antunes.

Na cerimónia mais reconhecida pelos profissionais do mundo vinícola em Portugal, foram premiados os melhores vinhos provados em 2021, assim como os profissionais, as instituições e os produtores dos setores vitivinícola e gastronómico que mais se destacaram durante o ano.

No decorrer do evento foram também anunciados os 30 melhores vinhos portugueses de 2021, provados pela redação da revista Grandes Escolhas, e ainda os melhores cinco vinhos do ano em cada categoria (tinto, branco, espumante, fortificado e rosé).

Criado para homenagear o crítico gastronómico David Lopes Ramos, figura ímpar do jornalismo português (falecido em 2011), com um conhecimento profundo da área, o Prémio Gastronomia David Lopes Ramos tem uma importância redobrada – e uma boa dose de responsabilidade – para as mãos de quem o recebe.

Chef Diogo Rocha vence Prémio Gastronomia “David Lopes Ramos”
Chef Diogo Rocha vence Prémio Gastronomia “David Lopes Ramos”


Conheci o David Lopes Ramos em 2010, numa viagem aos Açores, que deu origem a um texto escrito pelo David no Jornal “Público”, depois de um jantar cozinhado por mim. As suas palavras motivadoras e sinceras marcaram-me. Terminava o texto dizendo: “A ementa e respectiva confecção foram da responsabilidade de Diogo Rocha, muito ligado à valorização dos melhores produtos portugueses.” Na altura, eu ainda estava longe de iniciar o meu percurso e a minha aventura no universo Celso de Lemos, onde fiz a abertura do Mesa de Lemos em 2014, mas já tinha a minha filosofia de defesa e uso dos melhores produtos portugueses”, afirma o chef Diogo Rocha, ainda hoje à frente do único restaurante com 1 estrela Michelin no centro de Portugal.

Naturalmente, sinto-me muito honrado com este prémio, e comprometo-me a continuar a divulgar, como fiz sempre, o produto português, Viseu, toda a região centro e Portugal, elevando a nossa gastronomia o mais possível. Na hora dos agradecimentos, não posso deixar de fora Celso de Lemos e família, que desde sempre me apoiaram e que tornaram o Mesa de Lemos possível, também em nome de Portugal”.