douro Lançamentos vinho do porto

Quinta da Côrte apresenta 1ª edição do Vinho do Porto Tawny 30 anos – Pipa 28

Chega ao mercado um Vinho do Porto único e exclusivo, dedicado aos verdadeiros apreciadores.

Todas as boas estórias têm um início surpreendente e a do Quinta da Côrte Vinho do Porto Tawny 30 anos – Pipa 28 é um desses casos que irão ficar na memória. Tudo começou em 2013, após a compra da Quinta pelo visionário empresário francês Phillipe Austruy, detentor da Vignobles Austruy, e entregou a desafiante tarefa de dirigir a propriedade a Marta Casanova, enóloga e diretora-geral da Quinta da Côrte.

Marta Casanova partiu à descoberta da antiga Adega do Vinho do Porto e partilha as lembranças da descoberta da Adega de Vinho do Porto, das pipas e vinho adquirido.

Quinta da Côrte Vinho do Porto Tawny 30 anos – Pipa 28
Quinta da Côrte Vinho do Porto Tawny 30 anos – Pipa 28

A minha visão do Vinho do Porto é mais do que ver e beber um vinho, é pensar na sua história e no trabalho que outros tiveram e no tempo que ficou ali a envelhecer”.

Assim, tomou a decisão de se dedicar durante vários dias à prova dos vinhos encontrados nas 50 pipas existentes e fazer ensaios:

Tratei cada pipa individualmente. Retirei o vinho para arejar, corrigi com aguardente os que precisavam e classifiquei-os e lavei por dentro e por fora cada pipa. Depois voltei a pôr o vinho de volta na sua pipa de origem”.

Seis meses passaram e os resultados não enganavam, quando voltou a provar todos os vinhos a diferença foi notória e “são esses vinhos que servem de base para os vinhos mais velhos da Quinta da Côrte: Os Vinhos do Porto Tawny”.

Mas foi a Pipa nº 28 que causou maior surpresa. “Mantive o vinho na mesma pipa, só arejando de vez em quando, e deixei evoluir. Cada vez que provava dizia: ‘Não, este não vai entrar nos lotes de 10 e 20 Anos. Este tem ser mais especial e único!’”, conta.

O tempo provou que a enóloga estava certa, o Vinho do Porto Tawny 30 anos – Pipa 28 é um vinho com características excecionais: “De cor âmbar, é complexo, notas terciárias a conferirem densidade e profundidade. É muito fresco e equilibrado”.  

Por outro lado, há outras particularidades que tornam este Vinho do Porto tão especial, além de ser exclusivamente de uma só pipa, “foi aprovado como 30 anos pelo IVDP, mas parece ter muito mais”, revela a enóloga.

Este Tawny resulta de uma mistura de castas antigas com uma idade média superior a 80 anos, entre elas castas tradicionais, tais como a Tinta Barroca, a Tinta Roriz, a Rufete e a Tinta Amarela. De cor dourada com reflexos de acaju, este Vinho do Porto com uma grande classe, seduz imediatamente pela complexidade dos seus aromas: passas de corinto, alcaçuz, canela, citrinos cristalizados, café, castanha de caju, caramelo, nozes…

Doce e harmonioso na boca é muito saboroso, equilibrado e com frescura, que evolui até um final longo, rico e limpo. Por isso, é ideal para harmonizar com charutos ou sobremesas frescas e doces à base de laranja. Ou apenas para desfrutar de um copo e poder apreciar a sua qualidade em pleno.

Este é um verdadeiro tesouro do Douro e muito exclusivo, já que apenas foram produzidas 220 garrafas. Este Vinho do Porto Tawny 30 Anos – Pipa 28 é dedicado aos verdadeiros apreciadores e representa a excelência dos vinhos produzidos na Quinta da Côrte.

Quinta da Côrte Vinho do Porto Tawny 30 Anos – Pipa 28

PVP: 525 €