prémios sustentabilidade

Primum Familiae Vini anuncia vencedor Prémio PFV 2021

A Maison Bernard, em Bruxelas, é o mais antigo luthier da Europa e foi distinguido com um prémio no valor de 100 mil euros. A PFV é uma organização constituída por doze dos mais históricos e prestigiados produtores de vinho mundiais, dos quais se destaca a Symington Family Estates. Paul Symington, anterior CEO da Symington, é o atual Chairman desta associação.
PVF - 12 Famílias © Michael Boudot
PVF – 12 Famílias © Michael Boudot

A Primum Familiae Vini tem o prazer de anunciar que o júri, constituído por um representante  de cada uma das suas doze famílias produtoras de vinho, elegeu como vencedor do prémio  PFV de 2021, no valor de €100 000, a Maison Bernard, em Bruxelas, o mais antigo luthier da  Europa (fabricante de instrumentos de cordas). 

A Maison Bernard é um fabricante e reparador de violinos de renome mundial e é gerido pela  dupla pai-filho, Jan e Matthijs Strick, ambos famosos pelo seu extraordinário conhecimento e  reconhecidos como exímios artífices.

À Maison Bernard foi recentemente confiada a  reparação de um Stradivarius — de valor inestimável — de 1732. 

PFV - Maison Bernard
PFV – Maison Bernard

Jan é uma autoridade internacional sobre a Escola Flamenga de fabrico de violinos dos séculos  XVII e XVIII e este prémio facilitará a publicação do seu livro sobre violinos deste período e irá  também financiar a ida a Chicago de Matthijs para obter experiência numa das mais  conceituadas lojas mundiais de violinos. Além disso, ajudará também a garantir o futuro desta  maravilhosa empresa familiar. 

Sob o lema, ‘Família é Sustentabilidade’, aliada às suas longas histórias e à fama dos seus  vinhos, a PFV pretende encorajar empresas familiares independentes a continuarem os seus  projetos e incentivar a excelência da produção, a sucessão geracional, a responsabilidade  social e a sustentabilidade. Estes valores são primordiais para as doze famílias produtoras de  vinho PFV

Matthieu Perrin, Presidente da PFV comentou: ‘Tivemos muitas candidaturas oriundas de  todo o mundo e a seleção foi difícil, mas — na análise final — o júri sentiu que a Maison  Bernard é um brilhante exemplo do mais refinado trabalho manual e da continuidade de uma  antiquíssima tradição artesanal em mãos familiares, numa altura em que todos lutamos para  sustentar as nossas empresas familiares.’

Veja o vídeo aqui:  https://vimeo.com/526192640/315c6fe2e6