Alentejo Lançamentos vinhos

Herdade das Servas ‘Parcela C’ – Um tinto diferenciador com frescura e elegância

Frescura, elegância e longevidade são os principais “eixos” deste néctar. Uma excelente companhia para as festividades, à mesa ou no sapatinho!
Herdade das Servas

A família Serrano Mira – proprietária da Herdade das Servas, no Alentejo, e da Casa da Tapada, nos Vinhos Verdes – acrescentou ao seu portefólio um novo Single Vineyard. Ambos tintos, o primeiro foi o ‘Herdade das Servas Parcela V’ (da colheita de 2011, lançado em 2016) e segue-se agora o ‘Herdade das Servas Parcela C’, de 2016.

Com origem na vinha da Cardeira Velha, é 100% feito com uvas da casta Carignan, sendo, por isso, um tinto fresco e elegante, bem revelador da casta.

Herdade das Servas Parcela C 2016

Carignan: o reflexo da preservação do património vitivinícola

A família Serrano Mira tem um cuidado particular na preservação do património das suas Vinhas Velhas, procurando que se expressem na plenitude em vinhos cuidados e detalhados, como é o caso deste. 

Com origem em Espanha, é uma variedade de uva que se dá bem em regiões com muitas horas de Sol e solos pouco férteis, fatores que limitam a produção e, por conseguinte, aumentam a qualidade e longevidade dos vinhos a que dá origem. É uma casta vigorosa, com maturação tardia, película grossa e mosto de elevada acidez natural, que se refletir em vinhos frescos e elegantes.

Herdade das Servas Parcela C 2016

Carignan foi uma casta bastante presente no Alentejo de outrora, quase extinta nos dias de hoje e pensamos que nunca antes foi engarrafada em estreme nesta região. Estamos perante uma estreia, num vinho que expressa terroir e viticultura de precisão com a assinatura da Herdade das Servas. Mais uma vez, a família Serrano Mira a demonstrar convicção em experimentar e arriscar o pioneirismo.

Carignan: da vinha ao vinho

O ‘Herdade das Servas Parcela C tinto 2016’ mostrar o carácter e a frescura das uvas de Carignan, neste caso, plantadas em vaso – logo, baixa produtividade – numa parcela de 13 hectares, que data de 1974 e está na Vinha da Cardeira Velha.

Depois de desengaçadas, as uvas fizeram a maceração pré-fermentativa durante 48 horas, em lagares de mármore. A fermentação foi feita em lagar e em cubas de inox com controlo de temperatura. Seguiu-se um estágio de um ano, em barricas novas de carvalho francês, e o merecido estágio em garrafa na cave da Herdade das Servas.

Estamos perante um vinho límpido, de cor vermelho violeta e com aromas de ameixa, amora, figo e tosta de barrica. Fresco, elegante e estruturado, com notas de especiarias provenientes do estágio em carvalho francês, taninos ricos e final longo, revelando a elevada acidez natural.

Herdade das Servas Parcela C 2016 cx 3 gfs

A primeira edição deste tinto é limitada a cerca de 3500 garrafas, que a solo custa €40,00. O ‘Herdade das Servas Parcela C tinto 2016’ está também disponível em caixas de madeira de três garrafas e o PVP é de €120,00.