festival Gastronomia Vinhos do Tejo

Vinhos do Tejo celebram 40 anos de Festival Nacional de Gastronomia

‘Sabores e Saberes - 40 Anos de História’ de 15 a 25 de outubro.

Pelo motivo que todos sabemos – pandemia da Covid-19 –, este ano não há “espaço” para a realização do ‘Festival Nacional de Gastronomia 2020’ nos moldes em que estamos habituados de há 40 anos a esta parte. A organização está, contudo, bastante empenhada em assinalar esta efeméride, tendo preparado um conjunto de iniciativas, a decorrer entre este e o próximo ano.

Afinal, estamos perante o mais antigo e mais amplo certame gastronómico português, que se realiza em Santarém, capital nacional da gastronomia.

Celebração dos 40 Anos do Festival Nacional de Gastronomia de Santarém

A Comissão Vitivinícola Regional dos Vinhos do Tejo (CVR Tejo) foi convidada a integrar o Programa da Celebração dos 40 Anos do Festival Nacional de Gastronomia de Santarém e os Vinhos do Tejo voltam a marcar a assídua presença.

Uma das iniciativas deste programa é o ‘Sabores e Saberes – 40 Anos de História’, evento que decorre de 15 e 25 de outubro, na Casa do Campino e que terá uma forte componente digital, com a transmissão on-line da maioria dos momentos.

As medidas de segurança serão uma prioridade, sendo que o Plano de Contingência aprovado para o evento prevê uma redução substancial da lotação, bem como a implementação de medidas que visam atribuir segurança e conforto a todos.

A celebração da gastronomia é o mote principal deste evento, que conta com a exposição ‘40 Anos de Festival Nacional de Gastronomia’, conferências, demonstrações gastronómicas e jantares a cargo de chefs de nomeada regional e nacional, mas também provas e harmonizações vínicas.

Com o apoio da CVR Tejo, os Vinhos do Tejo vão marcar presença de diversas formas e em momentos distintos. No que toca aos néctares propriamente ditos, são de cinco produtores: Quinta da Ribeirinha, Quinta do Arrobe, Quinta do Coro, Quinta Monteiro de Matos e Quinta S. João Batista (Enoport).