douro Lançamentos vinhos

Colinas do Douro criam vinho exclusivo para Intermarché

Este Reserva tinto, Seixo Amarelo, chega à rede Intermarché, em todo o país, ainda em setembro, com uma produção de 63 000 garrafas.
Seixo Amarelo Reserva 2018

Chama-se Seixo Amarelo e é o novo Reserva do Douro Superior que vai passar a encontrar em exclusivo na rede Intermarché, por todo o país. É uma produção de 63 000 garrafas, de um vinho tinto com o perfil clássico do Douro Superior, macio e elegante, empático e versátil à mesa.

Com 8 meses de estágio em Barrica de Carvalho Francês de 225 litros, tem cor violeta profunda, um aroma floral sedutor, e um final de boca longo e muito agradável.

Seixo Amarelo Reserva 2018

Este vinho do Douro, com 14% de teor alcoólico, composto pelas castas Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz, Tinto Cão e Tinta Francisca, chega às prateleiras do Intermarché pelo preço de 6€.

Reserva de 2018, engarrafado em 2020, recebeu o seu nome das rochas graníticas e dos seixos de quartzo de cor amarela que se encontram no solo da propriedade de Colinas do Douro, no Douro Superior.

Na verdade, existia aqui uma casa que levava esse mesmo nome: a Casa do Seixo Amarelo, construída em 1840 nas margens da Ribeira de Aguiar, mantém ainda hoje em seu redor uma área de 5 hectares de vinhas velhas, um olival tradicional, uma zona de várzea e uma eira.

Atualmente em ruínas, a casa estava integrada num quadro típico de policultura no século XIX em Portugal. Com a criação deste vinho Reserva, consolida-se também a intenção de valorizar esta prática, e de recuperar a própria Casa do Seixo Amarelo.

Fruto de um trabalho conjunto entre o Departamento de Enologia de Colinas do Douro e a direção de vinhos do Intermarché, desenvolvemos esta nova parceria, com quem esperamos ter uma relação duradoura”, explica Jorge Rosa Santos, director de produção e enologia de Colinas do Douro. “Esta nossa aposta no ‘off-trade’, como resposta a este novo contexto desafiante para os canais HORECA, corresponde também a uma vontade das Colinas do Douro em chegarem a um público mais vasto, nos quatro cantos do país”.

Para o consumidor final, é a oportunidade de descobrir novos vinhos da região do Douro Superior, com uma excelente relação qualidade-preço.