celebração douro vinho do porto

Warre’s – Empresa com registo mais antigo de Portugal celebra 350 anos

Para assinalar este marco histórico a marca vai lançar as últimas 350 garrafas do Porto Vintage 1960 para venda ao público.

Fundada em 1670, a Warre´s – marca gerida pela Symington Family Estates, produtora de vinhos na Região Demarcada do Douro desde o século XIX – celebra este ano o seu 350.º aniversário.

Como forma de assinalar este momento histórico, a marca vai lançar 350 garrafas do seu Porto Vintage 1960, as últimas a serem disponibilizadas para venda ao público pela Warre’s.

Warre’s 1960 Private Cellar

Com origem na Quinta do Retiro, e depois de guardado ao longo de 60 anos em perfeitas condições, este Porto Vintage está entre os melhores exemplos de declarações clássicas do século XX, tendo agora atingido o seu auge.

A celebração dos 350 anos vai também estender-se a outros dois vinhos de referência da marca, com um rótulo que faz uma menção especial a este aniversário. São eles o Warre’s Warrior – que detém o título de marca registada mais antiga de vinho do Porto exportada de forma ininterrupta desde meados da década de 1750 – e o Warre’s Bottle-Aged Late Bottled Vintage – que se distingue da maioria dos Portos LBV por ser envelhecido em garrafa, vários anos antes de ser colocado no mercado.

Warre’s 350th Anniversary Editions

Empresa com registo mais antigo em Portugal ainda a operar

Desde sempre de propriedade familiar, a Warre’s foi a primeira empresa de vinho do Porto de origem britânica estabelecida em Portugal, sendo a mais antiga empresa registada no país ainda a operar nos dias de hoje, e também uma das mais antigas na Europa.

A Warre’s é sinónimo da própria história dos britânicos no Porto: durante a Guerra Peninsular, a maioria dos exportadores de vinho do Porto estrangeiros abandonaram a cidade, mas William Warre (membro da família de exportadores de vinho do Porto) juntou-se ao exército do Duque de Wellington e lutou para libertar Portugal dos franceses, tendo sido inclusive condecorado pela sua valentia.

A marca deu início à tradição de envelhecer os vinhos do Porto no clima marítimo e fresco de Vila Nova de Gaia, construindo aí um armazém no início do século XVIII. George Warre foi um dos primeiros mercadores de vinho do Porto a fazer importantes aquisições de vinhas no vale do Douro na década de 1890, comprando três importantes quintas, duas das quais ainda na posse da Symington Family Estates.

A ligação à família dá-se em 1905, quando Andrew James Symington e sua mulher anglo-portuguesa, cujos antepassados já exportavam vinho do Porto desde 1652, se tornaram sócios da Warre’s. Em meados da década de 1960, a família Warre vendeu as suas participações aos Symington, que passaram a ser os únicos proprietários da empresa.

Mais recentemente, em 1999, a Warre’s lançou o Otima, um Porto Tawny 10 Anos. Comercializado numa elegante e moderna garrafa de vidro transparente, foi a primeira vez que o vinho do Porto foi apresentado desta forma. Tendo o seu sucesso junto do público comprovado, o Otima é símbolo de uma nova abordagem e dinâmica no setor dos Vinhos do Porto. Em Portugal, a Warre’s é distribuída pela Portfolio Vinhos.

Johnny Symington, presidente da Symington Family Estates, comenta: “Estamos extremamente orgulhosos de comemorar o 350.º aniversário da Warre’s: três gerações da minha família trabalharam com os Warre até estes decidirem regressar ao Reino Unido. Demos continuidade a uma grande tradição que remonta a 1670. Este marco incrível é um momento para refletirmos sobre o nosso legado e unicidade como empresa familiar. Celebramos também a aliança entre Portugal e Inglaterra, a mais antiga na história, e que tem sido uma parte importantíssima na história do vinho do Porto”.

%d bloggers like this: