Adega ambiente inovação

Adega de Palmela reduz pegada ecológica

A Adega de Palmela instalou parque solar fotovoltaico, uma nova unidade de produção de energia e adquiriu carros elétricos para a sua equipa comercial.

Um dos grandes objetivos da Adega de Palmela para o ano de 2020 era a redução da sua pegada ecológica – objetivo que está agora cumprido com a instalação e funcionamento do parque solar fotovoltaico, compras de carros elétricos para a equipa comercial e instalação de uma nova unidade de produção de energia elétrica. 

Nesta senda, a Adega irá ainda instalar um posto de carregamento de carros elétricos com a potência nominal de 22KWh e adquirir uma viatura elétrica para as deslocações da equipa comercial.

Adega de Palmela – parque solar fotovoltaico

A unidade de produção de energia elétrica tem uma potência instalada de 274 kwh/ pico, vai também ser instalado um novo posto de transformação para a injeção de energia elétrica na rede.

Para Ângelo Machado, Presidente da Adega de PalmelaA instalação desta unidade de produção de energia fotovoltaica inscreve-se na nossa preocupação ambiental que se traduz na redução da pegada ecológica. Estamos a pensar noutros projetos de forma reduzirmos ainda mais a nossa pegada ecológica.”

Com 65 anos, a Adega de Palmela é uma das mais antigas da Península de Setúbal e todos os anos os seus vinhos são distinguidos em várias competições nacionais e internacionais tornando-a numa das referências da Região.