design imagem rótulos

Les Sabots d’Hélène – Os vinhos anarquistas de Languedoc

Les Sabots d’Hélène podia ser o nome de uma música, do famoso cantautor francês, Georges Brassens. Podia, e é, porque Alban Michel, considerado um insubordinado da região de Languedoc (França), inspirou-se nesse tema para denominar o projeto de vinhos orgânicos, do qual é o timoneiro. Mas não é por mero acaso que este nome foi escolhido, uma vez que a sua esposa também é Helène!!

Alban Michel lidera o Domain Les Sabots d’Hélène desde 2005, propriedade com 5 hectares de vinhas muito velhas, de Carignan, Grenache e Syrah, que em alguns casos chegam aos…100 anos!!!

Aqui são produzidos vinhos naturais, em pouca quantidade, de elevada qualidade, atípicos e profundamente aromáticos.

Quando afirmamos que os vinhos são fora do normal, dizemo-lo de forma positiva, e num sentido que marca a diferença deste produtor (para muitos um anarquista) para com os demais.

A imagem dos vinhos não foge à regra! Provocadores, “fora da caixa”, “artesanais”, criativos e até cómicos. Um todo, que revela a personalidade alternativa do produtor e do seu projeto.

Advertisements