No mês do Natal ofereça uma prenda original

Sakizuke.jpg

O último mês do ano é tomado pelo Natal e pelas Festas no Ocidente – mas quem não gosta de bacalhau não tem de se conformar com a degustação deste peixe. No Kanakawa, como todos os meses, há um festim de peixes frescos e variados à sua espera nas criações do chef Paulo Morais – e uma delas até tem a forma de… uma árvore de Natal.

Mokuzuke

O melhor restaurante de comida Kaiseki em Portugal começa a sua ementa deste mês com o “Sakizuke”, uma panqueca japonesa de batata (yamaimo) com polvo, couve, cebolo, katsuobushi e molho tonkatsu”, de comer e chorar por mais. Segue-se uma onda de frescura com o Mokuzuke, um ‘sashimi’ de peixes da nossa costa, que traz o mar para a mesa no seu corte mais fino.

Takiawase

Agora, é hora do Takiawase, uma sinfonia de “Lingueirão, nabos, abóbora, nabiças e shimeji em caldo dashi com azeite de trufa branca”. Antecede o prato-estrela da refeição, o Hassun – aquele que todos os meses dá a nota para afinar o diapasão da refeição. As delicadezas de dezembro desfilam pela seguinte ordem: “cornucópia de caranguejo real, sushi temari de salmão selvagem fumado, bao de peixe, kinton de batata doce e castanha, cereja de vinho com especiarias recheada com foie gras”.

Hassun.jpg

Os festejos natalícios prosseguem com o Yakimono, que reúne “Vieiras grelhadas, alho francês, pleurotes e molho Kimchi”. O próximo presente que pode dar a si próprio dá pelo nome de “Sunomono”, que é “Fígado de tamboril caramelizado, molho de mostarda, ovas de truta e pérolas de yuzu”. Se a barriga ainda lhe pedir mimos, faça-lhe a vontade dando-lhe o “Shiizakana”, o “Fondue de peixes e mariscos com legumes e molho ponzu”, e complemente com o Sushi, um mix de “nigiri e gunkan com peixes e mariscos”. Finalmente, e porque não há refeição que não ganhe com uma cereja ou um bolo, o dezato (sobremesa) chega na forma de um “brownie de chocolate de leite com nozes caramelizadas com miso, uma mousse de chocolate negro com flor de sal, suspiros de cacau, gelado de dióspiro e shisô roxo”. Haverá melhor maneira de celebrar o Natal?

 

 

 

Advertisements

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.