Clandestino – vinho de "garagem"

Talvez não esperássemos ver um vinho do Dão com uma imagem tão arrojada, mas também não se trata de um vinho de “mercado”. Falamos de um vinho de “garagem” em que o projecto assenta exactamente num conceito de nicho, de irreverência e que, tal como o nome sugere, num misto de clandestinidade, secretismo e intimidade. O facto de este vinho ser produzido ao longo das décadas apenas para consumo familiar, torna-o algo secreto, longe dos parâmetros adoptados pelas entidades reguladoras do mercado. Uma imagem que congrega tradição com inovação.

Design (e fonte): Somos Estúdio (Espanha e Portugal)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s